SOBRE NÓS

 

História

Nós descobrimos os vinhos sem adições em um restaurante em Copenhagen em 2011 e ficamos deslumbrados. O sabor, a cor do vinho e as histórias sobre os vinicultores nos deram o primeiro sorvo.

Em 2017 nos mudamos da Suécia para Portugal com a ambição de abrir um bar de vinhos e tapas, durante a pesquisa descobrimos que existem poucos produtores de vinho em Portugal que podem ser chamados de biodinâmicos ou naturais e quase nenhum vinho sem sulfito adicionado S02. Percebemos que um punhado de produtores que já amamos não foram representados aqui e que, na verdade, alguns dos maiores produtores pequenos nunca tiveram seus vinhos em Portugal. Por isso, decidimos começar a importar esses vinhos surpreendentes, emocionais e excepcionais para que possamos compartilhar a experiência com mais pessoas.

Ambição

A nossa ambição é introduzir vinhos verdadeiros, cuidadosamente seleccionados de pequenos e alguns dos produtores mais importantes da Europa. Produtores que respeitam a terra e produzem vinhos que refletem onde estão, geográficamente, históricamente e culturalmente.

Mostrando como a terra e o clima surpreendentes tornam os sabores dos vinhos puros.

A nossa lista é composta por vinhos feitos por pessoas extraordianrias, apenas a partir de uvas de saúde, com apenas leveduras nativas, sem aditivos e sem sulfitos. 

Acreditamos que os vinhos produzidos desta maneira tem um sabor melhor, são mais vibrantes e verdadeiro.

Despertar

 

Como cozinheiro Leandro, considera os alimentos como parte de um ciclo natural, sempre considerando o meio ambiente e o que é saudável enquanto cria pratos com sabores reais e surpreendentes. Ele nasceu no Brasil, um país sem tradições de vinho. Ele não apreciava o vinho até provar os mestres dos vinhos naturais e a biodinâmicos sem adição de sulfites. Para ele, era um mundo totalmente novo, um vinho com ambição gastronômica que melhora os sabores da comida e vice-versa. Ao escolher os vinhos Leandro está usando seu paladar gastronômico.

Quando Josefine tornou-se vegana, ela descobriu o quanto os produtos animais são usados ​​no processo de vinificação industrial. Mas em vez de parar de beber vinho, ela começou a procurar os lugares que serviram de natural e biodinâmico.

 

Este site usa cookies, continuando está a concordar com o nosso uso de cookies.